Banheiro

Bancada Banheiro: mudamos de ideia.

quarta-feira, abril 24, 2013

Amores!

Obrigada pelos comentários sobre a torneira. Pelo menos tive um final feliz nessa história, e agora estou com duas torneiras em casa (sim, não pediram devolução da preta!?). Acho a cromada linda também, mas continuo morrendo de amores pela preta. hehehe

Bom, voltando ao assunto do post...sim, mudamos de ideia sobre a bancada de madeira como falei nesse post aqui.
Sei que todas gostaram da ideia e vou justificar o porque não queremos mais a tal bancada.

1º motivo: Umidade
Pra quem não sabe, moramos na serra gaúcha e o clima por aqui é bastante úmido e no inverno, super frio (esse ano na verdade já tá fazendo um friozão agora #adoooro). Tá... no apê não tem umidade, mas quando faz bastante frio, sou daquelas que toma banho fervendo e, consequentemente, deixo o banheiro parecendo uma sauna de tanto vapor. Nosso banheiro é pequeno e só possui um exaustor pra saída de todo esse vapor. Agora imaginem, quanto tempo uma bancada (tanto a madeira, quanto a pintura) aguentaria toda essa umidade? 
Não sou especialista no assunto, mas imagina que não muito.

2º motivo: A madeira ideal
Já respondendo a pergunta da Nana do Brincando de Construir que me perguntou se eu já sabia a madeira ideal.
Bem, pesquisei....pesquisei e não cheguei a lugar algum, pois tem muitas referências na internet que falam sobre diversos tipos de madeiras e não consegui chegar a uma conclusão,  só fiquei mais confusa. A única coisa certa é que tem que ser madeira dura e o único consenso nisso foi a madeira de ipê.
Mas falando com meu primo que é marceneiro, ele me disse que o melhor seria usar madeira de demolição, pois madeira crua (virgem, nova...) pode empenar com a umidade e ficar uma m...
A madeira de demolição como já teve seu tempo para "curtir", diga-se assim, não corre esse risco pois já sofreu as alterações possíveis. E como todo mundo sabe, madeira de demolição não é barata, ainda mais que eu queria uma peça maciça inteira e não vários pedaços unidos como comumente são feitas, ou seja, isso elevaria muito mais o valor da peça, fora a dificuldade para se conseguir (de fato, não consegui).

3º motivo: Manutenção
Bancadas em madeira para banheiro além de tratamento e pintura especiais, precisam de manutenção para que conserve sua beleza. Não sei ao certo quanto tempo dura a pintura, mas a mesma precisaria ser retocada para conservação da peça. Ai já desanimei um pouco, porque me deu uma certa preguiça nessa parte. Não por preguiça de fazer, mas preguiça pela sujeira e mão de obra, sendo que havia a possibilidade de ter que lixar a peça novamente algum dia se ela ficasse feia. Já estou tão cansada de reforma, que essa parte não me agradou muito. Vocês tb estão cansadas?? Ou sou só eu?? hehehe

4º motivo: Valor
Como falei antes, madeira de demolição é cara e a eterna manutenção agregaria mais valor a isso. Por pura curiosidade, fizemos orçamentos de granito, mármore e silestone e o valor ficou aproximado ao valor da peça em madeira de demolição. Claro, com exceção do silestone que ficou em absurdos R$ 1.680, 00 por menos de um metro linear. Tipo assim, não to podendo.
E enfim, decidimos ficar com o mármore, pois teríamos uma coisa com maior durabilidade por pouca diferença de valor.

O mármore eleito foi o Marrom Imperador Chinês, esse cara aqui:

Nos inspiramos por essa foto do site da marmoraria que vamos fazer a cozinha.

http://marmorariacristalbg.com.br
Linda essa bancada né? Depois que vimos a pedra inteira, amamos esse mármore.

Ah, só uma palhinha do silestone que gostamos:

Silestone Stellar Marina
Uma cor um tanto exótica, mas pensa que lindo que ficaria!!!

O post ficou enorme e por hoje é só.

Em tempo, a cozinha já ficou pronta e o móvel do banheiro também, mas vou ser bem malvada e só vou mostrar depois que estiver instalado. 

Bjos =]


Banheiro

A torneira dos sonhos foi, literalmente, por água abaixo

sexta-feira, abril 12, 2013

Deixando de lado um pouco a cozinha enquanto ela não fica pronta, o post de hoje é sobre uma compra que estava ansiosíssima pra contar pra vocês. Mas infelizmente, venho para contar que a compra não deu certo.

A torneira, assunto do post, é a que escolhemos para o banheiro. Esta aqui:
Docol Stillo Black Bica Alta

Quando a vimos na loja, foi amor à primeira vista. Ela era aquele detalhe que faltava pro banheiro.
Olhando ela sozinha, não tem o mesmo efeito do que junto com a cuba. O conjunto  ficava espetacular.

E como temos mania de comprar tudo pela internet, com a torneira não foi diferente pois estava com um precinho um pouco melhor do que na loja física.
Ficamos dias em agonia, enquanto ela não chegava e quando chegou, tivemos a primeira decepção.

Detalhe da embalagem, toda detonada

Pintura raspada na bica

Pintura raspada no acionamento da água

Outro ângulo

Nem preciso dizer que ficamos super indignados e desanimados.
Se alguém reparar nas fotos, vai ver que tem um papel pardo por baixo. Pois é, foi só com isso e a embalagem da fábrica (essa plástica) com que ela veio protegida. Mas mais revoltante ainda, foi constatar que o papel pardo não estava danificado nos mesmos lugares que a embalagem plástica (aliás o Correio  está de parabéns pois a embalagem externa chegou intacta). Conclusão, isso já veio assim da loja em que compramos pela internet.
Tiramos essas fotos imediatamente, e enviamos para o sac da tal loja, que nos enrolou por quase 2 meses para analisar o acontecido. Não sei pq precisa tanto tempo, visto que tá na cara que o produto tá com defeito. Mas enfim, a novela ainda não teve seu capítulo final, mas não vou ficar enchendo vocês com isso.

A segunda decepção veio quando, ressabiados pela compra pela internet, fomos comprar diretamente na loja afinal seria mais garantido. Eles não tinham em estoque, pois é um produto que não tem muita saída como as com acabamento cromado, mas o vendedor iria fazer o pedido e chegaria dentro de alguns dias.
No mesmo dia que fomos informados que a torneira tinha chegado fui correndo buscar, e pra garantir inspecionei ela de cabo a rabo. Nessa "inspeção" notei um risquinho na parte de cima da bica, mas que parecia ser da própria embalagem. O vendedor muito atencioso, se prontificou em tirar a torneira da embalagem, pois eu expliquei o que tinha acontecido antes e não ia sair de lá com ela sem ter certeza de que estava em perfeito estado.
De fato, aquele risquinho era da embalagem, mas aí o vendedor notou que na haste tinha um corte afundado no metal, sabem quando alguma coisa pontiaguda bate com muita força em um metal? estava assim e sem tinta ao redor. E na parte frontal da bica tinha uns raspões pequenos.
Quando ele me mostrou isso, dei um suspiro e depois comecei a rir e mais ainda quando ele me disse que já tinha vendido duas e não tinha tido nenhum problema.
Tipo assim, tava na cara que não era pra gente comprar essa bendita torneira.
Na mesma hora liguei pro Diego e ele custou em acreditar que isso tinha acontecido de novo.
Resumo da história, desistimos da torneira preta e acabei levando a cromada, que o vendedor já tinha em estoque. Mas claro, só levei depois de verificar que não tinha absolutamente nada de errado.

Docol Stillo Cromada Bica Alta
Ela é tão bonita quanto a outra, mas não é tão tão legal. Não sei se vcs conseguem me entender?!
Mas pelo menos tá inteira como deveria.

Bjos =]

Cozinha

Cozinha: em produção

segunda-feira, abril 08, 2013

Meninas!

Obrigada pelos comentários e pelo apoio para a bancada de madeira no banheiro. 
Isso ainda vai dar o que falar por aqui, porque no momento isso não tá 100 % decidido. Eu quero com certeza, mas meu namorado tá me cortando os naipes agora. Mas falaremos sobre isso num outro post.

Hoje vou mostrar algo que é certo e definitivo, a cozinha que já está em produção. EEEEEEEEEEEEE!!!!!!

Ontem fomos na fábrica de móveis do meu tio pra ver como está ficando.

Olha ai:


Dois ângulos do lado da geladeira

Lado da pia
Só as caixas estão prontas, mas já dá pra ter uma ideia.
Confesso que não achei que fosse ficar tão grande. Ainda bem, porque morro de medo de não ter espaço suficiente.

Tô loca pra ver com as portas.

Bjos

Banheiro

E daí que agora eu quero uma bancada de madeira no banheiro

terça-feira, abril 02, 2013

Acredito que até hoje não postei nenhuma inspiração para o banheiro, mesmo porque não tinha muitas e esse cômodo do big apê era uma coisa meio nebulosa para mim.

Depois de colocar o porcelanato branco nas paredes, sabia que precisava colocar alguma coisa de cor lá dentro pra não ficar aquele branco total, que particularmente não gosto.
Pra quebrar o "gelo", o Diego quis o box fumê. No começo não curti muito a ideia, mas depois de instalado tô amando. Olha só:


Apesar de ser fumê, ainda assim ficou bem clarinho. A foto não ajuda muito (nem a iluminação), mas não é fácil tirar fotos num cubículo. Vou tentar melhorar. 
Detalhe para a prateleira de vidro no canto esquerdo, também fumê, pra colocar os shampoos e etc..

Com o box já com um pouco de cor, pra mim ainda parece que falta alguma coisa. Um detalhe que fizesse a diferença no banheiro.

Primeiro pensei em fazer a caixa do móvel com alguma cor amadeirada ou escura e as portas brancas. Porém não conseguia visualizar nenhum granito, mármore ou silestone que ficasse legal com o conjunto.

Buscando inspirações no google e nas centenas de blogs que sigo cheguei no Dicas do Novo Apê  da Fabi e vi os banheiros dela com a bancada em madeira.


Sempre amei detalhes em madeira, então não tive dúvidas quando vi essa imagem. 
Mostrei para o Diego, ele também gostou, então agora estamos analisando a madeira certa e o tom que fique bom para o nosso banheiro.

Agora simplesmente não consigo imaginar nosso banheiro sem a bancada de madeira.

Sei dos cuidados que tem que se ter com a madeira, pois como é um local molhado exige tratamento e pintura especial para não apodrecer. Mas não me preocupo muito com isso.

Para quem quiser saber mais sobre bancadas de madeira em área molhada indico ler aqui.

Mais algumas imagens inspiradoras nas quais gostamos do tom da madeira:



Bjos =]